25º Top Of Mind de RH

Em tempo de pandemia, benefício farmácia cresce e promove adaptação

Em tempo de pandemia, benefício farmácia cresce e promove adaptação

Por conta da pandemia e da crise econômica instalada no Brasil, é natural que parte da população tenha se preocupado mais com o corte de gastos. Contudo, mesmo para quem tem a possibilidade de alcançar um equilíbrio financeiro, há custos que, por regra ou imprevisto, dificilmente deixam de existir, como a compra de medicamentos em farmácias.

De acordo com a 4ª Análise do Perfil de Compra dos Clientes das Farmácias, conduzida pelo Instituto Febrafar de Pesquisa e Educação Corporativa (IFEBEC) e pela Unicamp, revela que as idas à farmácia custavam, em média, pouco mais de R$ 55 ao bolso dos brasileiros antes da pandemia. Além disso, 61,6% dos respondentes alegaram que vão à farmácia pelo menos duas vezes por mês. 

Com a chegada da Covid-19, porém, o investimento em produtos vendidos em drogarias aumentou. No primeiro semestre de 2021, as compras nas 30 redes de farmácias associadas à Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma) alavancaram seu ticket médio para R$ 71,87. Foi obtido um faturamento de R$ 32,5 bilhões no período, 18,45% a mais que o período em 2020.

Também após a propagação do novo coronavírus fazer parte da realidade do mundo, as empresas passaram a olhar mais para a saúde de seus colaboradores. Saúde ocupacional, física, mental e financeira foram temas protagonistas de discussões e ações em prol de engajar, atrair e reter talentos em tempos tão complexos. Assim como iniciativas como convênios com psicólogos e oferta de aulas de yoga e mindfulness aos colaboradores, as organizações também passaram a observar potencial maior no importante convênio com farmácias. No caso do convênio farmácia do Grupo DPSP (Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo), por exemplo, são mais de 1.200 companhias de todos os portes associadas. 

“Quando uma empresa adere a um plano de Convênio Farmácia, todos ganham. Primeiro, porque não gera nenhum tipo de custo para a companhia conveniada e amplia a lista de benefícios oferecidos aos colaboradores, auxiliando a área de RH na retenção de seus talentos. Segundo, porque possibilita aos colaboradores terem acesso a um vasto portfólio de serviços e descontos na aquisição de vacinas e medicamentos para o seu tratamento, testes de Covid-19, controle de peso, entre outros”, explica Rosilei Nunes (foto abaixo), gerente de Convênios e Novos Negócios do Grupo DPSP.

Rosilei Nunes

A executiva pontua que o investimento das empresas no convênio com farmácias é, também, uma resposta positiva das organizações às novas exigências do consumidor atual, uma vez que abraçar causas que estimulam e facilitam os cuidados com a saúde – seja do colaborador ou do público – é um importante fator competitivo e social das empresas.

“A sociedade deixou de enxergar as marcas pelos seus produtos e passou a enxergá-las pela forma como estão atentas às necessidades de seus consumidores e abraçam suas causas. E a conectividade e velocidade com que as informações chegam ao consumidor hoje colaboram para isso. Então, uma jornada de compra mais digital deve continuar a se fortalecer e, mais do que digital, mais personalizada. Nós buscamos fazer isso aqui: usar a inteligência a serviço da saúde. Outro hábito que deve continuar, mesmo pós-pandemia, é as pessoas comprarem mais localmente, mais próximas de suas casas”, destaca.

Referência na oferta do benefício farmácia ao mercado, o Grupo DPSP foi eleito uma das empresas Top5 no Top of Mind de RH (cuja votação para definir os vencedores ainda está em aberto) e venceu o prêmio Fornecedores de Confiança, promovido pela editora Segmento e Revista Melhor. Roseli destaca o quanto o benefício não só é eficaz para atrair e reter talentos, como também oferece facilidade ao público-alvo.

“O diferencial do Convênio Farmácia do Grupo DPSP são os benefícios que ele oferece, como permitir que o funcionário tenha acesso aos tratamentos de saúde sem a necessidade de realizar qualquer pagamento imediato, já que o valor da compra pode ser debitado em folha em até 45 dias, a depender da modalidade de convênio escolhido pela empresa. A iniciativa é um complemento do plano de saúde e plano odontológico concedido pelas empresas. Com o benefício, funcionários com dificuldade de obtenção de crédito têm a oportunidade de iniciar um tratamento em segurança”, elucida.

Os beneficiários têm à disposição a rede de aproximadamente de 1.400 lojas das Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo, em oito estados e o Distrito Federal, além do e-commerce e televendas para usar as vantagens do convênio. Já são mais de 100 milhões de beneficiários.

O benefício ou convênio farmácia conquistou maior relevância e importância uma vez que, além dos medicamentos, testes rápidos e até imunizações integraram sua oferta. Assim como o processo de transformação que as áreas enfrentam, os benefícios também se adaptam para atender melhor às necessidades atuais. “O Convênio Farmácia DPSP passou por uma forte e acelerada transformação. Pensando na comodidade do usuário, nós criamos o nosso portal de serviços. A ferramenta reúne todos os serviços clínicos básicos oferecidos pela DPSP e permite que o colaborador tenha autonomia para solicitar e agendar aquele que precisar. Além disso, o beneficiário conta com recursos como a telemedicina com médicos de todo o Brasil e terapia online para o cuidado com a saúde mental”, finaliza a gerente.